6 dicas valiosas para fazer gestão logística da cadeia de suprimentos da forma correta

Se você quer saber como organizar sua gestão logística da cadeia de suprimentos, bem como torná-la eficiente e quais os pontos que precisam de atenção, você veio ao lugar certo! Continue a leitura pois é exatamente sobre isso que iremos falar hoje.

Cenário mundial do mercado

O momento que estamos vivendo é de um cenário mundial extremamente competitivo. Nesse sentido, as empresas precisam se adaptar às novas necessidades de seus clientes. Por isso devem focar em estratégias para melhorar seus processos, com objetivo de aumentar sua eficiência para conseguir se destacar da concorrência. 

Novas necessidades e gestão logística da cadeia de suprimentos

Não é de hoje que o comportamento do consumidor está sofrendo grandes mudanças. A transformação digital já vinha acontecendo, mas a pandemia do COVID-19 só acelerou mais ainda esse processo.

Em outras palavras, alguns hábitos como comprar pela internet evitando a necessidade de ir em uma loja física ou fazer a utilização de aplicativos, para realizar entregas ou pedir uma refeição já faziam parte da nossa realidade.  Porém devido a pandemia e do distanciamento social, as empresas tiveram a obrigação de adequar seus processos para o Digital.

Atender às novas necessidades dos consumidores é uma questão de sobrevivência e a gestão logística tem um papel extremamente fundamental nisso.

O que é gestão logística da cadeia de suprimentos

Explicando de forma simples, a gestão logística da cadeia de suprimentos, consiste em todos os processos e rotinas, seja direta ou indiretamente, na execução do pedido de um cliente. 

Quando uma empresa não cumpre prazo de entrega, que podem ser por causa de diversos motivos, como falta de mercadoria para produção, problemas com fornecedores, erros de estoque, entre outros, podemos falar que a empresa tem uma logística ineficiente e isso tem como consequência prejuízos financeiros e perda de clientes.

6 dicas para gestão logística

Problemas como esses são comuns mas através de uma gestão logística organizada e eficiente é possível evita-los. Confira 6 dicas, para implementar na sua empresa e ter ótimos resultados

Tenha fornecedores confiáveis e tenha controle sobre eles

Um processo produtivo começa pela aquisição dos insumos com os fornecedores. Então, se você deseja que sua cadeia de suprimentos seja eficiente, é importante ter um bom controle sobre esta parte.

Escolher os melhores fornecedores pode não ser uma tarefa simples. Entretanto um sistema de gestão integrada pode facilitar essa atividade. Especificamente pela funcionalidade do módulo de compras que compara os fornecedores, para que você escolha quais tem o melhor custo-benefício para o seu negócio.

Além disso, caso algum fornecedor tenha algum problema, você pode rapidamente contatar o próximo com melhor custo benefício e que tem um prazo de entrega adequado a sua necessidade. Assim, com essa correção, você garante a fluidez e evita a interrupção da operação e consequentemente atrasos para o consumidor final.

Duas dicas para saber se seus fornecedores são confiáveis: Primeiramente é monitorar a reputação deles no mercado, e em segundo, verificar se eles possuem certificados de qualidade e controle de práticas sustentáveis. 

Outra estratégia que pode ser bem eficiente é a construção de relações de parceria. Com essa proximidade com os fornecedores é possível conseguir valores mais baixos através de contratos de fidelização, por exemplo.

Utilize a tecnologia como sua aliada 

Um sistema integrado de gestão permite que você tenha controle total dos processos da sua cadeia de suprimentos através da integração de todas as áreas do seu negócio. Em conclusão sem uma comunicação assertiva de todas as áreas, nada sairá como esperado.

Através de um softwares é possível ter agilidade e passar as informações para toda a empresa. Desde a venda no departamento comercial; a emissão da NFe no financeiro; até a saída de suprimentos do fornecedor e entrada no estoque, tudo pode ser monitorado, o que permite uma tomada de decisão muito mais assertiva. Além disso, é possível automatizar tarefas que são repetitivas fazendo com que os colaboradores foquem em atividades do core business da empresa.

Gestão de estoque

Katy, uma das nossas especialistas, não tem dúvidas ao afirmar que a área de estoque é uma das mais importantes de qualquer organização:

“A gestão de estoque é um dos elementos críticos em qualquer empresa devido à relação direta que estabelece com praticamente todos os demais setores. Isso significa que se a gestão do estoque não for corretamente realizada, os impactos negativos podem ser sentidos em toda a cadeia produtiva”, explica.

Em outras palavras, a especialista aqui da Global está dando um alerta de que a área de estoque funciona como uma espécie de sistema nervoso central da empresa.

Qualquer tipo de falha em sua gestão implicará no mau funcionamento de todo o organismo. E quando a empresa não funciona como deveria, o resultado inevitável é a perda de dinheiro.

Portanto é importante ter um estoque com qualidade, sem muitas faltas ou excessos.

Sendo assim, no caso de faltas é importante rapidamente contatar o setor de compras para repará-las e no caso de excessos a empresa pode fazer alguma ação, como promoções, por isso é importante a boa comunicação com o setor de marketing. 

Analisar de forma criteriosa o nível de materiais e demandas é algo essencial para operação e definir quais as métricas serão utilizadas, bem como suas conversões para que o controle do estoque seja de fato otimizado também.

Cuidado com transporte, principalmente se você optar por terceiriza-lo 

O transporte é parte fundamental do processo por isso merece muita atenção. Geralmente em empresas que estão começando no mercado, terceirizam o transporte, pelo fato de que muitas não podem ter a própria frota.

Contudo, é importante que a empresa tenha preparo e condições para realizar a entrega dentro dos prazos com qualidade. Isso porque no caso de qualquer problema, é sua reputação que está em jogo.

Atenção com as embalagens

A gestão da cadeia pode ser eficiente mas se os produtos não estiverem em embalagens adequadas para garantir a integridade do produto, de nada adianta. Nenhum cliente gosta de receber seus produtos danificados, com embalagens rasgadas ou abertas.

O transporte pode ser feito com muito cuidado, se a embalagem não for adequada os produtos podem sofrer danos e isso pode ter como consequência a perda de um lote, prejudicando a reputação e credibilidade da empresa. Para uma logística perfeita, verifique os materiais utilizados nas suas embalagens e avalie a aquisição de materiais de proteção como espuma e plástico bolha.

Além disso, é importante realização de testes com as embalagens e isso envolve a simulação das diversas condições do percurso.

Cumpra seus prazos e tenha foco total no cliente

O objetivo principal de todo processo logístico é seguir os prazos com qualidade. O cliente espera receber seus produtos no menor tempo possível, então é importante tentar reduzir o lead time para se destacar pela concorrência.

Nós temos um Case de sucesso que atingiu resultados incríveis. Conseguimos reduzir o lead time de entrega da Indústria metalúrgica Passerini de 15 dias para 5 dias, bem como a redução do seu estoque em 50%! Se você quiser ler o case completo, pode clicar aqui.

Portanto, se você quer ter sucesso no mercado, é muito importante que você cumpra os prazos de entrega de produtos para os clientes. Fazer a entrega do produto dentro do tempo prometido é a primeira ação de marketing, porque é o primeiro mecanismo para ganhar credibilidade e fortalecer sua marca no mercado.

Gestão logística da cadeia de suprimentos e o foco total no cliente

Quando falamos de foco total no cliente, significa o envolvimento de toda a empresa na satisfação das necessidades dos clientes e isso precisa ser feito de maneira estratégica. Isso envolve os cuidados que falamos ao longo deste artigo.

Quer receber um orçamento sem compromisso para automatizar sua logística ou assistir uma demonstração gratuita da nossa solução? Entre em contato com um de nossos especialistas!

Posts relacionados

lgpd no futuro
LGPD

O que esperar da LGPD no futuro?

A Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD) tem impactado significativamente a forma como empresas e organizações coletam, armazenam, usam e compartilham dados pessoais